Capeta

Origem da palavra capeta

Nas antigas encenações de dramas religiosos, o diabo geralmente era representado como um ser humano com traços de animal, quase sempre um bode. Por isso, ele tinha um rabo, que procurava esconder envolvendo-se numa capa. Dessa forma, no teatro, a figura do diabo estava sempre associada a um personagem que usasse uma capa pequena, isto é, uma capinha ou capeta. É isso mesmo. Capeta, na origem, é o diminutivo de capa. E como o diabo sempre vestia uma capeta, passou a ser chamado também de capeta. Foi assim que a palavra capeta deixou de significar uma capinha e passou a ser um outro nome do diabo.